• Felipe Thomes Rodrigues

O porquê e como fazer um agradecimento escrito à mão



Agradecimentos escritos são uma das artes perdidas ao longo do tempo. Nós vivemos em um tempo de comunicação muito rápida, com muitas informações em nossas cabeças, que acabamos por esquecer ou mesmo não saber escrever um agradecimento por um presente, um favor ou uma experiência vivida.


Ligações, emails, mensagens - todas elas podem ter algum efeito nesse sentido. No entanto, um agradecimento escrito à mão diz muito mais. Ele diz que nós saímos dos nossos hábitos diários para sentar e escrever àquela pessoa, porque ela é valiosa e mereceu aquilo. Afinal, seres humanos gostam de serem tratados como seres humanos, de forma personalizada e única.


Um exemplo recente de muito sucesso que temos visto é o do Nubank, em termos de atendimento personalizado ao cliente. Eles têm resolvido os problemas dos clientes de forma rápida e personalizada, enviando cartas escritas à mão e dando presentes memoráveis. Afinal, você pode receber agradecimentos e esclarecimentos de várias formas e por vários motivos, mas serão as poucas escritas que vão ficar na sua memória.



Nos Estados Unidos, durante nossa participação no Leadership Development Program, nós costumávamos escrever agradecimentos depois dos projetos, visitas a empresas, palestras, entrevistas e muito mais. Coloquei aqui um passo a passo que pode ajudar quando você for fazer os seus =D:


#1 Seja sincero

Não escreva nada se você não tiver expressando o que realmente está sentindo. Nós seres humanos temos uma espécie de sexto sentido que nos fala quando alguém não está sendo verdadeiro. Se a pessoa falhou em alguns pontos, tudo bem! Elogie e agradeça pelas partes boas.


#2 Expresse sua gratidão

Comece com uma sentença que possa expressar seu agradecimento, sem ser um ‘obrigado’ (isso podemos deixar para o final). Por exemplo: “Sou muito grato pela oportunidade que me deu hoje” ou “Ganhei meu dia quando….”. Nesse sentido.


#3 Adicione detalhes específicos

Qual detalhe te chamou mais atenção, ou o que fez mais diferença para você? Ou ainda, como você pretende aplicar tal conhecimento ou tal experiência vivida. Por exemplo:

“Sua apresentação me ajudou a aprender mais sobre a cultura da ‘Empresa’ e suas explicações me ajudaram a entender os desafios do negócio. Foi inspirador ver você como exemplo de profissional e pessoa com valores fortes e ética”

Ou então:

“Eu não tenho palavras para descrever como o seu exemplo e sugestões tem me ajudado desde a primeira vez que nos encontramos. Foi sempre uma inspiração para mim ouvir você falando sobre a sua experiência de vida. Eu certamente sou outra pessoa depois de todo esse tempo. Eu mudei para me tornar uma pessoa e um profissional melhor, e isso graças a toda essa experiência que me proporcionou.”


#4 Diga algo sobre o futuro

Para fechar, fale sobre uma ação futura que pense para manter a conexão de vocês. Pode ser um “Eu espero que a gente mantenha contato, e, se eu puder ajudar de alguma forma, vou ficar feliz em fazer” ou “Espero te encontrar no próximo evento”, desde que seja específico para aquela pessoa.


#5 Agradeça novamente

Aqui vem aquele ‘muuuito obrigado’ que falamos lá no começo. Para nós podermos reforçar tudo o que expressamos.


E por último, envie logo depois do fato que quiser agradecer acontecer. Afinal, se a gente demorar, as pessoas podem nem lembrar do que a gente tá agradecendo. Mais uma vez, nós seres humanos gostamos de reconhecimento e de sermos tratados como seres humanos.


Grande abraço!

556 visualizações

© 2018 by Journey Team

  • Instagram ícone social
  • LinkedIn Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now